Plantão
Políciais

Briga na Barreto Campelo deixa dois presos mortos e um ferido

Publicado dia 25/10/2018 às 10h43min
De acordo com a RadioPatrulha, detentos estariam armados com revólveres, pistolas e até mesmo um fuzil. Após a situação ter sido controlada, apenas um revólver calibre 38 foi apreendido

Um tumulto na Penitenciária Barreto Campelo deixou dois detentos mortos e um ferido no início da noite desta quarta-feira (24), em Itamaracá, na Região Metropolitana do Recife. Armados com revólveres, pistolas e até mesmo com um fuzil, os presos receberam os policiais que tentavam conter a confusão a tiros. A briga entre os reeducandos começou às 18h e só foi controlada às 20h. De acordo com a Secretaria de Ressocialização de Pernambuco (Seres), o motim não foi classificado como rebelião e não houve tentativa de fuga. O Batalhão de Choque e o Bope entraram na unidade prisional para apreender os armamentos, mas só recolheram um revólver calibre 38.

 

O Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco informou que a briga foi motivada por rixa entre presos de pavilhões diferentes. A primeira confusão aconteceu na laje da unidade carcerária, onde Jaime José Moisinho, 51, e Evaldo José de Gouveia, 19, se desentenderam e trocaram tiros. Jaime foi encaminhado ao Hospital de Itapissuma, mas não resistiu e morreu ainda a caminho da unidade de saúde. Evaldo José foi socorrido para o Hospital Metropolitano Norte Miguel Arraes, no Paulista, com ferimentos no tórax e abdômen. O estado de saúde dele é considerado estável.

 

Pouco depois, ainda houve uma nova briga entre internos dos pavilhões B e C, quando Leandro de Araújo de Assis, de 26 anos, foi assassinado em um corredor. O corpo dele já foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife.

Plantonistas do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa foram deslocados para a ocorrência. A Polícia Militar, Civil, Instituto de Criminalística, Batalhão de Choque e Corpo de Bombeiros também foram chamados para conter o motim.  O caso será investigado pela Delegacia de Itamaracá.

Confira a nota divulgada pela Secretaria de Ressocialização sobre o caso

A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) informa que, nesta quinta (24/10), foi registrada uma briga na Penitenciária Barreto Campelo, em Itamaracá, em que resultou em dois detentos mortos e um ferido. Jaime José Moisinho, 51 anos, morreu a caminho do Hospital de Itapissuma e Leandro de Araújo de Assis, 26 anos, faleceu na unidade prisional. O ferido Evaldo José de Gouveia encontra-se internado no Hospital Miguel Arraes em estado de saúde estável. Estiveram na unidade prisional a Polícia Militar, Polícia Civil, Instituto de Criminalística, Batalhão de Choque e Corpo de Bombeiros para providências cabíveis. A Delegacia de Itamaracá vai apurar as circunstâncias em que ocorreu o fato.

Fonte: WRB NOTICIAS
Para ouvir nossa rádio, baixe o aplicativo RadiosNet para celulares e tablets com Android ou iPhone/iPads.

Mais Populares

Fale Conosco


| |
webradiobrasilnatal@htomail.com